Burger King estuda venda de lojas na China

0
197
HC empreendimentos

Burger King estuda venda de lojas na China. A TAB Food Investments, maior franqueada global da Restaurant Brands International, estuda a venda de sua unidade na China. O negócio pode ser avaliado em mais de 1,2 bilhão de dólares.

Entretanto, a TAB Foods, ou TFI, trabalha com um assessor para medir o interesse de possíveis investidores, incluindo empresas de private equity, por sua participação de 50% nas operações chinesas do Burger King. O processo de venda poderia começar já no mês que vem.

No entanto, já no ano passado, a TFI, que tem sede em Istambul, havia considerado uma oferta pública inicial da unidade chinesa em Hong Kong. Isto após desistir do plano para uma oferta de ações nos EUA de suas operações globais, disseram pessoas com conhecimento do assunto à Bloomberg News no ano passado.

Contudo, a TFI, é responsável por administrar mais de 1.200 unidades do Burger King na China. Ela é a maior franqueada da rede de fast-food no mundo, gerenciando um total de aproximadamente 2.000 restaurantes na Turquia e no mercado chinês. Segundo dados no site da empresa. A rede na China, inaugurada em 2012, está presente em mais de 150 cidades.

Ainda mencionando os números, a TFI tem 50% da unidade na China, enquanto a RBI possui participação de 27,5%. O restante esta com a empresa de private equity Cartesian Capital, os 22,5%. De acordo com prospecto do IPO das operações globais da TFI enviado à SEC dos EUA em 2018. Em fevereiro de 2018, a TFI decidiu adiar o IPO sem dar uma razão.

As possibilidades ainda estão em estágio inicial, e a TFI pode decidir manter o negócio, disseram as pessoas. A empresa também poderia retomar os planos de IPO, segundo as fontes.

Facebook Comments