Cemig e Pátria juntas em contratos de energia renovável

0
659
Cemig e Pátria juntas em contratos de energia renovável

Cemig e Pátria juntas em contratos de energia renovável. A gestora Pátria Investimentos voltou a apostar no setor elétrico com uma nova empresa de geração renovável, a Essentia Energia, que construirá suas primeiras usinas solares e eólicas no Nordeste.

Contudo, a empresa, que já soma ativos com capacidade total de cerca de 800 megawatts, foi formada após a aquisição de projetos renováveis pelo Pátria. Ela que tem a firma de private equity Blackstone como sócia, conforme documentos da reguladora Aneel vistos pela Reuters.

Esses empreendimentos fecharam contratos de longo prazo para venda da produção futura à mineira Cemig e as obras podem ter início no segundo semestre. Visando atender compromissos de entrega de energia a partir de 2022, acrescentaram as fontes.

No entanto, a construção de projetos do porte da carteira do Pátria demandaria mais de 3 bilhões de reais, segundo estimativas de mercado. Não está claro, no entanto, se todas usinas serão implementadas de uma só vez.

A Cemig tem realizado desde 2018 diversos leilões que ofereceram contratos de até 20 anos para a compra da produção futura de usinas eólicas e solares.

O movimento do Pátria para entrar no cobiçado setor de geração renovável do Brasil teve início no final de 2019, com a aquisição de projetos em fase de desenvolvimento junto a empresas locais, disseram as fontes.

Facebook Comments