Nova Previdência Mulheres Foram Muito Prejudicadas

Mulheres foram igualadas aos homens, prejuízo

2
197
Nova Previdência Mulheres Foram Muito Prejudicadas
Mulheres tem maiores perdas com a reforma da presidência

Proposta da Nova Previdência

A proposta da nova aposentadoria recém apresentada determina a idade mínima de 65 anos para que o beneficiário passe a receber aposentadoria. A regra se aceita valerá tanto para homens quanto para mulheres que tiverem menos de 50 anos quando a lei for aprovada. Também na proposta esta estabelecido que o tempo mínimo de contribuição para ter direito a benefício e de 25 anos para ambos os sexos.

Atualmente existe diferença entre a idade para requerer o benefício de homens e mulheres.  A regra vigente funciona pela soma dos anos de contribuição com a idade do contribuinte. O que deve totalizar 85 anos para mulheres e de 95 anos para homens. Sendo que o tempo mínimo de contribuição para mulheres é 30 anos e homens 35.

Como será a transição

Mulheres acima de 45 anos e homens com mais de 50 anos terão direito a regras especiais. Para ter direito ao valor integral do benefício terão que cumprir um período de contribuição adicional que equivale a metade do tempo que faltava para terem direito ao benefício antes da nova regra. Este tempo passa a contar na data da promulgação das novas regras.

O fim dos benefícios acumulados

A pessoa só poderá receber um benefício. Se estiver aposentado e tiver o direito a requerer pensão por morte terá que optar apenas pelo benefício de maior valor. A exceção são os órfãos de pai e mãe que receberiam 60% da aposentadoria de cada um dos pais até completar 21 anos.

Nova Previdência Mulheres Foram Muito Prejudicadas

Caso as novas regras sejam aprovadas muitos certamente pensarão em rasgar suas carteiras de trabalho. As mulheres foram ainda mais prejudicadas nesta proposta, que as iguala aos homens.

Sendo que além de ser comprovado que as mulheres ganham menos, é também certo que elas fazem jornadas de trabalho muito mais longas. Englobando o trabalho formal e o doméstico.

Para ter direito  ao benefício integral, será necessário trabalhar e contribuir por 49 anos. A aposentadoria com o mínimo de 25 anos contribuição dará direito a somente 76% do valor total. O percentual aumenta um ponto a cada ano adicional de contribuição.

Era possível que os homens na regra antiga se aposentassem com valor integral a partir dos 60 anos e as mulheres 55 anos. As mulheres que a cada dia estão  mais sobrecarregadas com suas vidas profissionais, filhos e rotina doméstica. Com a nova proposta receberam o presente de grego de terem que trabalhar 10 anos a mais para ter direito a aposentadoria.

Qual sua opinião sobre esta nova proposta? Comente no campo abaixo. Se gostou da matéria curta o portal e compartilhe com seus amigos.

2 COMENTÁRIOS

Comments are closed.