Patrocinado
Início Governo Lula 3 Novo diretor da Petrobras é defensor do Hamas ativo nas redes sociais

Novo diretor da Petrobras é defensor do Hamas ativo nas redes sociais

Vendas de refinarias da Petrobras devem ser adiadas devido a decisão do STF

Em coluna elaborada por Malu Gaspar e Johanns Eller, para o jornal O Globo, os novos movimentos de Magda Chambriard na presidência da Petrobras (PETR3;PETR4) foram expostos, incluindo uma grande dança de cadeiras nos cargos executivos da empresa.

AINDA: Petrobras fecha em queda com mudança massiva de executivos por indicação política

Com diversos nomes de carreira na empresa sendo dispensados para entrada de executivos ideologicamente próximos à FUP e ao PT, o nome de Eduardo Costa Pinto ganhou destaque.

Sem experiência executiva na área de petróleo, Costa Pinto é pesquisador do Instituto de Estudos Estratégicos de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (Ineep), entidade acadêmica com relação umbilical à FUP.

VEJA: Imprensa americana afirma que “Moraes usa documento fraudulento”, para manter ex-assessor de Bolsonaro preso

Acesse as notícias que enriquecem seu dia em tempo real, do mercado econômico e de investimentos aos temas relevantes do Brasil e do mundo pelo telegram Clique aqui. Se preferir siga-nos no Google News: Clique aqui. Acompanhe-nos pelo Canal do Whastapp. Clique aqui

SAIBA: Evento de Gilmar Mendes em Portugal é “corrupto e institucionalização da promiscuidade”, publica revista portuguesa

Muito ativo em suas redes sociais, Costa Pinto reverberava opiniões contra as políticas fiscais de Fernando Haddad, dentre suas mais variadas visões sobre desenvolvimentismo e a economia brasileira.

O novo executivo, por sua vez, exercia participação ativa em conteúdos da Opera Mundi, site jornalístico fundado por Breno Altman, jornalista que ganhou repercussão nos últimos meses devido a sua postura anti-israel e visões de relativização do atentado de 7 de Outubro.

MAIS: Governo Lula liberou empreiteiras da Lava-Jato de pagamentos à Petrobras e acarretará perda bilionária

Costa Pinto irá assumir a gerência executiva de gestão de parcerias e processos de Exploração e Produção da Petrobras, com responsabilidades relativas a gestão de portfólio da companhia, avaliação de desempenho dos campos de exploração e direcionamento de investimentos de cifras bilionárias.

Receba conteúdo exclusivo sobre os temas de seu interesse! Confirme em sua caixa de e-mail sua inscrição para não perder nada

SEM COMENTÁRIOS

Sair da versão mobile
×