Petrobras tem oferta de R$ 3 bilhões em debêntures suspensa pela CVM

0
641
Petrobras tem oferta de R$ 3 bilhões em debêntures suspensa pela CVM

Petrobras tem oferta de R$ 3 bilhões em debêntures suspensa pela CVM. Em outras palavras, a Superintendência da CVM identificou infração a dispositivo normativo e comunicou a suspensão nesta sexta-feira, 30.

Contudo o comunicado da CVM esclareceu que a suspensão é pelo prazo de até 30 dias. Referente a oferta pública de distribuição de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie quirografária, em até 3 séries, em vasos comunicantes, da 7ª emissão da Petróleo Brasileiro S.A. – Petrobras (“Oferta” e “Companhia”), cujo pedido de registro esta em análise na CVM.

No entanto, a CVM esclareceu que a suspensão ocorreu devido a entrevista na mídia de Andrea Almeida, diretora de relações com Investidores da Companhia. A entrevista foi promovida pela XP Investimento, uma das coordenadoras da Oferta, em 27/8/2019.

Entretanto, a Superintendência também determinou a retirada da internet da entrevista, sem prejuízo das demais providências cabíveis em relação à oferta.

Veja também:

Hulk e Doria mamaram em “teta” petista diz Bolsonaro.

Gol é multada em 3.5 milhões pelo Procon.

A suspensão poderá ser revogada, dentro do prazo acima indicado, se as irregularidades apontadas forem devidamente corrigidas. Caso contrário, o pedido de registro da oferta será indeferido, informou a CVM.

No entanto, no comunicado a CVM reforça que o investidor deve basear sua decisão de investimento exclusivamente na documentação da Oferta e nas informações divulgadas pela Emissora em decorrência de suas obrigações enquanto companhia aberta. Deve-se desconsiderar eventuais manifestações por parte de seus representantes. Visto que as mesmas podem conter impressões pessoais não adstritas a aspectos técnicos. Além de não apresentar aos potenciais investidores os riscos inerentes aos valores mobiliários emitidos.